Blog Venki

Responsabilize-se pela sua vida

Posted by Eduardo Rapanelli on 16 de julho de 2018
0
Category: Blog, Eduardo Rapanelli
Muitas vezes na vida temos a tendência de atribuir aos outros a culpa pelos nossos próprios fracassos, sem perceber que somos nós mesmos quem estamos perdendo com essa atitude. Culpar os outros não resolve o problema, não ameniza a dor e é o caminho mais rápido para o fracasso. Isso não só desvia o foco do verdadeiro responsável como atrapalha a chance de crescer e ter sucesso. É isso que chamamos de ser responsável pela
É difícil reconhecer a solução no meio da tempestade. Eu sei. Pode parecer difícil entender por qual motivo você está sentindo dúvida, incerteza, tristeza ou até mesmo medo. Mas eu também sei de uma coisa: você é maior que tudo isso! São os seus medos que impedem a sua felicidade e a confiança em si mesmo. Esse estado emocional faz você viver no passado e não avançar para o futuro. Você pode ser mais forte

Deu branco, e agora?

Posted by Leandro Gregorut on 11 de julho de 2018
0
Category: Blog, Leandro Gregorut
Você já se esqueceu qual seria o próximo tema a abordar durante uma apresentação? Já se esqueceu até mesmo da sequência lógica de pensamentos e ideias que estava expondo? Em momentos como esse, você passa a impressão de falta de conhecimento ou de ser uma pessoa que não consegue se expressar de maneira clara, objetiva e assertiva a mensagem que quer passar. A boa notícia é que todos nós estamos sujeitos a enfrentar um lapso
Você já parou para pensar como algumas pessoas tem facilidade de entrar em discussões, ser mal interpretada, criar situações de conflito que levam a uma escalada crescente até o ponto de quebra das relações ou violência? Você já participou de uma conversa ou discussão assim? Sabia que existe uma ciência que explica o passo a passo disso? Não estou falando sobre o estado psicológico dessas pessoas, mas sim sobre as atitudes antes, durante e após

Fuga da dor e busca do prazer

Posted by Eduardo Rapanelli on 29 de junho de 2018
0
Category: Blog, Eduardo Rapanelli
Conforme a PNL (Programação neuroliguística), os indivíduos possuem basicamente duas formas de se motivar emocionalmente que moldam seu comportamento e os levam a tomar ou deixar de tomar ações: a fuga da dor ou a busca do prazer. Ao longo da vida, o mundo exterior imprime em nós sensações de dor e prazer, às vezes de uma forma bem perceptível e outras muito sutis. Essas sensações são instaladas em nosso inconsciente e desencadeiam uma série