Controle Emocional

As emoções fazem parta da nossa vida e definem muitos de nossos comportamentos.

Para cada situação de nossa vida, associamos um tipo de emoção. Elas estão associadas a lembranças, situações vividas, informações que recebemos…enfim. As emoções nos mantém vivos e são reguladas em uma área do nosso cérebro que se chama Sistema Límbico.

Aliás, esse sistema possui uma importância fundamental para a motivação, o desenvolvimento do aprendizado e a memória.

Todas as nossas emoções podem ser positivas ou negativas. Por exemplo: a raiva é considerada uma emoção negativa, pois faz com que as pessoas se tornem agressivas, mas em um outro nível (positivo), ela pode impulsionar o indivíduo a sair da zona de conforto e ter a atitude necessária para mudar de vida.

Assim também pode ocorrer com todas as outras emoções.

As vezes nos reprimimos demais ou exercemos um controle excessivo sobre o que sentimos, mas o psicanalista Franz Alexander descobriu que as pessoas que reprimem seus sentimentos podem ter pressão elevada constantemente. Isso ocorre porque reprimir demais os sentimentos pode ocasionar a “psicossomatização”, que é a expressão física de sintomas emocionais. Ou seja, o corpo adoece.

Como usar então as emoções de uma maneira adequada para nos beneficiar diante das situações da vida?

Aí vão algumas dicas:

1 – Identifique exatamente qual emoção (negativa) você está sentindo no momento

2 – Interrompa o que está fazendo por um ou dois minutos

3 – Identifique qual emoção positiva está disponível para você naquele momento e utilize como recurso (antídoto).

4 – Lembre-se que:
– Não podemos controlar o passado
– Não podemos controlar as pessoas
– Não podemos controlar o tempo

5 – Imagine a situação já resolvida no futuro e lembre-se que é você quem controla suas emoções e sua vida.

O Instituto Venki tem soluções para você em todos os aspectos de sua vida.

Quer saber mais?
Vem com a gente!

#SejaVenki

LUCIANA RAPANELLI

2018-08-23T12:22:38+00:00